Memória curta


  • Daely Cunha  (Facebook)
    "Lembro de um passageiro que foi preso porque perguntou à aeromoça se haviam revisado os reversos da turbina da aeronave da TAM... Isso depois do acidente de 1996...
    Depois, em 2009, mais uma pavorosa tragédia... E o voo da TAM havia saído de Porto Alegre para SP... E ninguém mais fala sobre a dor dos familiares pelas perdas, e menos ainda das indenizações..."