Segup diz que não negocia com o jogo do bicho

A Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup) negou que o órgão tenha negociado com os trabalhadores do jogo do bicho para que suspendessem uma manifestação realizada ontem (13) na avenida Almirante Barroso. Um dos representantes dos trabalhadores informou que o grupo negociava com a Secretaria para encerrar o ato.
 
A Segup informou que jamais foi contactada, "por quem quer que seja, para tratar sobre os resultados da Operação denominada 'Efeito Dominó', deflagrada pela Polícia Civil". A Segup afirmou ainda que o órgão sempre adotou uma posição rígida de não interferir em assuntos da polícia judiciária.
 
Por fim, a secretaria disse ainda que "jamais poderia negociar com os trabalhadores do jogo do bicho - sob qualquer pretexto - a não realização da manifestação que pretendiam realizar pelas ruas de Belém, muito menos a título de liberação de uma atividade flagrantemente  ilícita, enquadrada na Lei das Contravenções Penais".
(DOL)