CLIQUE NO VÍDEO PARA ASSISTIR

Loading...

Detentos fazem motim em penitenciárias da Grande Belém

Do G1 PA
Complexo Penitenciária Americano Presídio Santa Isabel Pará (Foto: Reprodução/TV Liberal)Detentos do Complexo Penitenciário de Santa Isabel do Pará e unidades prisionais de Marituba iniciaram motins que foram controlados pela polícia apenas na madrugada desta sexta-feira (27). (Foto: Reprodução/TV Liberal)
Cerca de 200 homens da Polícia Militar, com o apoio da Polícia Civil e Corpo de Bombeiros, controlaram na madrugada desta sexta-feira (27) um motim iniciado por presos de quatro unidades prisionais no complexo penitenciário de Marituba (PEM I e PEM III) e Santa Isabel do Pará (CRPP I e CRPP II), na região metropolitana de Belém, na noite da última quinta-feira (26). Segundo a Secretaria de Comunicação do Estado (Secom), um preso teria sido morto durante os confrontos.
As unidades CRPI e II, que integram o Complexo Penitenciário de Santa Isabel, foram completamente depredada pelos presos, que destruíram portas, tetos e partes de paredes e calçadas para arremessarem pedras e paus contra os policiais. Vários colchões e portas foram queimados para facilitar uma possível fuga frustrada pela PM. Foram usadas bombas de gás e balas de borracha para conter a multidão de detentos. O CRPP I tem capacidade para 786 internos e atualmente custodia 1.091. Já no CRPP II a capacidade é de 288 e custodia 613.
No Presídio Estadual Metropolitano I (PEM I), que custodia 683 internos, mais de 100 presos dos blocos A e B deram início ao motim na unidade por volta das 22h. Os internos dos outros quatro blocos e do anexo não se amotinaram. A unidade prisional tem capacidade para 404 presos.
Com uso de bombas de efeito moral e armas não letais, os policiais colocaram os detentos nas celas. Alguns deles tiveram pequenas escoriações, foram atendidos pela equipe médica da unidade prisional e, de acordo com a Secom, passam bem. Alguns cadeados e portas ficaram danificados, mas já foram repostos.
Já no Presídio Estadual Metropolitano III (PEM III), os detentos se amotinaram por volta da meia noite. Os 383 internos dos seis blocos carcerários depredaram as celas da unidade prisional, colocaram fogo em colchões e tentaram fugir pelo teto. Durante a tentativa, um interno foi atingido no peito por uma bala disparada pelos policiais do Batalhão de Polícia Penitenciário (BPOP), responsáveis pela segurança armada na guarita de todo o Complexo. De acordo com a Secom, o detento chegou a ser socorrido e levado para o hospital Metropolitano, em Ananindeua, mas não resistiu e morreu. A unidade tem a capacidade para custodiar 288 detentos.
Protestos
Esposas e familiares de detentos protestam na rodovia BR-316 (Foto: Divulgação / PRF)Esposas e familiares de detentos protestaram na rodovia BR-316, na região metropolitana de Belém, na última quarta-feira (25). (Foto: Divulgação / PRF)
As esposas dos presos do Complexo Penitenciário de Santa Isabel do Pará alternaram interdições e manifestações pacíficas na rodovia BR-316, em frente ao presídio, para reclamar das condições dos detentos na última terça-feira (24). Na quarta (25), elas voltaram a ocupar uma das pistas da rodovia, que ficou interditada por cerca de 40 minutos, no sentido Castanhal-Belém.

Guarda que agrediu mulher não será preso

Guarda que agrediu mulher não será preso (Foto: Reprodução)

A mulher que foi agredida por um guarda municipal na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Cidade Nova 8, em Ananindeua, no último sábado, já foi identificada e não se trata da suposta senhora que estava desaparecida e que seria portadora de necessidades especiais, segundo revelou ao DIÁRIO uma mulher que seria sua irmã.

O caso está sendo investigado pela Delegacia da Mulher e, segundo a delegada que está à frente do caso, o agressor não deverá ter a prisão preventiva decretada.
De acordo com a diretora da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam), Daniela Santos, a vítima teria sofrido um assalto antes de chegar à UPA para atendimento médico, já que teria sofrido escoriações na abordagem. “A vítima já foi identificada e ouvida, ela disse que procurou atendimento médico, pois tinha sofrido escoriações durante um assalto. Além disso, a vítima ficou com o pé quebrado. No local, ela foi atendida, mas, como a máquina de raio x estava com defeito, ela começou a gritar reclamando”, relatou.
Com o tumulto no corredor de espera da unidade, o guarda foi chamado para intervir, mas acabou agredindo a paciente, como mostram as imagens enviadas ao DIÁRIO e que apareceram em vários telejornais. “Os funcionários chamaram o guarda para conter a mulher que estava aos gritos e, sendo agredido por ela, ele a agrediu. Porém, nada justifica a atitude dele em bater nela”, afirmou Daniela. Ainda segundo a delegada, a vítima disse que foi agredida mais de uma vez pelo acusado. “Segundo a senhora, ele bateu nela três vezes e não estava embriagada.”
Apesar de o vídeo mostrar a discussão e a agressão, o guarda municipal não será preso. “A vítima não veio à delegacia prestar queixa, fomos nós que a achamos, através das informações do prontuário. Na hora ela não fez exame de corpo de delito e não tem nenhum documento pericial. Por isso, não há elementos suficientes punitivos para que possamos fazer a prisão preventiva dele, mas o guarda vai responder criminalmente pelo ato. A polícia não trabalha com hipóteses”, argumentou a delegada.
Por outro lado, o guarda municipal, no mesmo dia do ocorrido, foi até à Seccional da Cidade Nova, registrou um boletim de ocorrência contra a vítima e se submeteu a exame de corpo de delito. “Aqui nós o chamamos, mas o advogado dele veio e remarcou a data. Enquanto isso, nós vamos conversar com as testemunhas para apurar o fato”, concluiu Daniela Santos. Segundo a pessoa que gravou o vídeo, a mulher desapareceu do local depois que uma funcionária interveio na briga, porém, a policia esclareceu que ela foi encaminhada para UPA do Icuí e lá foi feito o raio x e outros procedimentos médicos.
(Diário do Pará)

Exoneração

PORTARIA Nº 1.733/2015-CCG DE 25 DE FEVEREIRO DE 2015

O CHEFE DA CASA CIVIL DA GOVERNADORIA DO ESTADO, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo Decreto nº 13, de 7 de fevereiro de 2011, e CONSIDERANDO os termos do Processo nº. 2015/70520,
 RESOLVE:
 EXONERAR ALISSON GOMES MONTEIRO do cargo em comissão de Assessor III, código GEP-DAS-011.5, com lotação na Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social, a contar de 6 de fevereiro de 2015.
REGISTRE-SE, PUBLIQUE-SE E CUMPRA-SE
CASA CIVIL DA GOVERNADORIA DO ESTADO, 25 DE FEVEREIRO DE 2015.

JOSÉ MEGALE
Chefe da Casa Civil da Governadoria do Estado
(Transc. Diário Oficial Nº 32.835, de 26/02/2015). 

Telefone do novo Diretor de Ensino da PMPA

O Coronel  MARCEL DA COSTA SALIM, Diretor de Ensino e Instrução da PMPA,  informa o seu número de telefone funcional para contato é o (91) 98895-8626.

Mais 520 novos soldados recebem formação de polícia comunitária

 Mais 520 novos soldados recebem formação de polícia comunitária
A Polícia Militar começou na segunda-feira (23), o curso de promotor de polícia comunitária para 520 novos soldados nas cidades de João Pessoa, Santa Rita, Campina Grande, Monteiro, Guarabira, Patos e Cajazeiras. O objetivo é promover um policiamento cada vez mais próximo das pessoas e estabelecer uma polícia cidadã.


Os alunos soldados são convidados durante este curso, que tem duração de mais de 40 horas/ aula, a conhecer a filosofia da polícia cidadã e a política de segurança do Estado, que é protagonizada pelo Programa Paraíba Unidade pela Paz.


“É um fato inédito no país começar a formação de policiais logo com o curso de polícia comunitária, que sempre é deixado para o fim do curso de formação”, destacou o coordenador de Integração Comunitária e Direitos Humanos, tenente-coronel Valterlins Dutra, que revelou que a meta da corporação é formar 1.200 policiais este ano.


O oficial lembrou ainda que o trabalho na base da formação garante a aplicação da filosofia de uma forma mais prática. “Ao longo do curso de formação de soldado, o policial terá a capacidade de aplicar o contexto de uma polícia solidária dialogando com os ensinamentos de outras áreas que irá receber durante a preparação”, detalhou.


Desde 2011, foram formados mais de 2 mil profissionais com o curso de polícia comunitária, na Paraíba. A capacitação garante ao policial condições para um melhor atendimento à população, dentro do contexto das Unidades de Polícia Solidária implantadas no Estado.
http://www.pbagora.com.br/

"Caco Barcelos, lave a sua boca antes de falar da PM", diz policial militar

TENENTE-CORONEL DA PM DE PERNAMBUCO REVOLTA-SE CONTRA PROGRAMA DA REDE GLOBO 

Sr. Caco Barcellos.
Talvez não devesse na minha condição de profissional qualificada,  tratar-lhe com tanta deferência, mesmo estando consciente da sua total falta de respeito com todos os policiais militares brasileiros e falta de isenção naquilo que se propõe a fazer...
Fico me perguntando até onde essas emissoras desqualificadas que dispõem de força com a mídia vão montar tribunais empíricos, elaborando julgamentos injustos, tendenciosos e condenando gratuitamente, sem conhecimento algum, profissionais que na minha visão, assumem o importante papel de heróis sem justa causa!!!
Agora, entendo sua predileção pelo papel das "vítimas da polícia", pois tive acesso a sua obra ABUSADO, que gira em torno do mundo maravilhoso do crime que fatalmente lhe encantou...
Senhor repórter, na falta do que fazer e divulgar , suas ações só conseguem atingir homens e mulheres de vergonha e coragem que escolheram "ser polícia" até para defender pessoas da sua estirpe!!!
A busca desesperada por audiência está lhe levando à insanidade total. Melhor não se acostumar... nossos resultados certamente são bem maiores e seus equipamentos ínfimos, claramente não têm condições de captar!!
Só espero que não precise da polícia que mata.... seria vergonhoso da sua parte, ter que recorrer aos super heróis dos quadrinhos e da sua televisão... ledo engano, são empíricos, infantis e ilusórios!!!
Pertencemos ao quadro de efetivo de uma força maravilhosa de enfrentamento social... POLÍCIA MILITAR. Por isso, exigimos respeito!!!
Por fim, da nossa maneira, solicitamos que nos faça uma grande gentileza... ao se reportar a nossa SAGRADA INSTITUIÇÃO lave sua boca com bastante sabão e um bom desinfetante, talvez assim se permita apenas elogios... isso é o que merecemos por ter nas nossas mentes, no nosso sangue, na nossa vida incutido que... NASCEMOS PARA SER POLÍCIA ...
O senhor certamente NUNCA SERÁ !!!

Força e Honra!


Tenente Coronel - Conceição Antero 
Polícia Militar de Pernambuco

"Caco Barcelos, lave a sua boca antes de falar da PM", diz policial militar

Sr. Caco Barcellos

Talvez não devesse na minha condição de profissional qualificada,  tratar-lhé com tanta deferência, mesmo estando consciente da sua total falta de respeito com todos os policiais militares brasileiros e falta de isenção naquilo que se propõe a fazer...
Fico me perguntando até onde essas emissoras desqualificadas que dispõe de força com a mídia vão montar tribunais empíricos, elaborando julgamentos injustos, tendenciosos e condenando gratuitamente , sem conhecimento algum, profissionais que na minha parca visão, assumem o importante papel de heróis sem justa causa!!!
Agora entendo sua predileção pelo papel das "vítimas da polícia", pois tive acesso a sua obra ABUSADO, que gira em torno do mundo maravilhoso do crime que fatalmente lhe encantou...
Senhor repórter, na falta do que fazer e divulgar , suas ações só conseguem atingir homens e mulheres de vergonha e coragem que escolheram "ser polícia" até para defender pessoas da sua estirpe!!!
A busca desesperada por audiência está lhe levando a insanidade total, melhor não se acostumar...nossos resultados certamente são bem maiores e seus equipamentos ínfimos claramente não tem condições de captar!!
Só espero que não precise da polícia que mata....seria vergonhoso da sua parte, ter que recorrer aos super heróis dos quadrinhos e da sua televisão.....ledo engano, são empíricos,infantis e ilusórios!!!
Pertencemos ao quadro de efetivo de uma força maravilhosa de enfrentamento social...polícia militar, exigimos respeito!!!
Por fim , da nossa maneira, solicitamos que nos faça uma grande gentileza...ao se reportar a nossa SAGRADA INSTITUIÇÃO lave sua boca com bastante sabão e um bom desinfetante, talvez assim se permita apenas elogios...isso é o que merecemos por ter nas nossas mentes, no nosso sangue, na nossa vida incutido que...NASCEMOS PARA SER POLÍCIA ...
O senhor certamente NUNCA SERÁ !!!
Força e Honra!

Tenente Coronel - Conceição Antero
Polícia Militar de Pernambuco