Elabore um projeto cultural e obtenha recursos

Quem tem interesse em ingressar na área de Produção Cultural tem que, além de tantos outros quesitos, ver claramente a cultura como atividade econômica, algo que só mais recentemente começou a ser compreendido.
 Focar o mercado cultural e adquirir conhecimentos sobre a elaboração de projetos e Leis de Incentivo à Cultura, é fundamental. Tá interessado? Então segue a dica. Nos dias 02 e 03 de março, a produtora cultural Carmem Ribas vai ministrar um curso no IAP. As inscrições estão abertas. 
O curso é destinado a artistas, agentes culturais, produtores e demais profissionais que atuam nessa área. A capacitação será ministrada de forma dialogada e com recursos didáticos, com apresentação de vídeos e slides, dinâmicas de grupo, leitura de textos e exercícios práticos. Para receber o certificado, porém, Carmem Ribas avisa que fará uma avaliação baseada na frequência e participação do inscrito, assim como nas demais atividades propostas, considerando a relevância e qualidade de sua atuação. 
No conteúdo programático, ela vai abordar a elaboração de proejtos de forma lógica, repassando conceitos básicos, pontos de planejamento, com etapas, redação, plano de comunicação, orçamentos, apontando caminhos para a resolução criativa de problemas, discutindo marca e comunicação na captação de recursos, além dos processos e estratégias de captação, fontes de financiamento, patrocinadores potenciais, negociação da proposta e ainda a elaboração de materiais de captação e propostas, apresentação de casos e análise coletiva de projetos. Vai ser peso. 
Pedagoga, especialista em Gestão com Responsabilidade Social, educadora social e produtora cultural, Carmen tem experiência de mais de vinte e sete anos nas áreas da educação, assistência social e produção cultural. 

Atuando na área de qualificação e capacitação de agentes culturais, ela vem ministrando cursos e palestras em várias instituições como UFPA, Fundação Cultural do Pará Tancredo Neves - FCPTN, Fundação Curro Velho, Escola de Governo do Pará, Escola de Gestão da Prefeitura de Belém, Fundação Ipiranga, Instituto EducArte e AMA Consultoria. 
Assessora da AMA Gestão de Projetos Socioculturais e gestora na ONG Instituto EducArte na Amazônia, Carmem também é funcionária pública estadual concursada, atuando como Produtora Cultural no Theatro da Paz, coordenando e organizando os espetáculos realizados naquela Casa.

Carmen Ribas já desenvolveu, entre outros projetos, por meio de leis de incentivo os espetáculos musicais “Peças Íntimas - uma homenagem à mulher paraense” e “TIM TUM - um toque infantil”, além dos CDs “Mesclado”, de Almino Henrique e “Billy Blanco, o compositor”, este último, lançado e, 2008, no Theatro da Paz, e que saiu em DVD no ano seguinte .

As pessoas que quiserem fazer o curso tem que enviar um e-mail para o IAP (iap.artesvisuais@gmail.com). Envie seu nome completo, endereço, telefone, e-mail e pequeno currículo. As inscrições estarão abertas até o dia 27 de fevereiro ou quando o número de solicitações de inscrição atingir o limite de vagas ofertadas, apenas 25! É gratuito.
O Holofote Virtual bateu um papo rápido com Carmem Ribas. Na entrevista, Carmen adianta algumas dicas que serão dadas na oficina,  e fala da nova maneira de apresentar um projeto à Lei Semear. Agora on line, aberto de 3 de janeiro a 17 de fevereiro, apesar do acesso à internet ainda não ser uma realidade em todos os municípios paraenses, o novo sistema facilitou a vida de muita gente e se mostrou eficaz na hora de bater os orçamentos.
Ler entrevista completa