Polícia Civil autua homem por tráfico de entorpecentes em Capanema

Polícia Civil
As Polícias Civil e Militar prenderam em flagrante, por tráfico de drogas, Antônio Silva Freire, com quem mais de 3 quilos de maconha foram apreendidos

Da Redação
Agência Pará de Notícias

As Polícias Civil e Militar prenderam em flagrante, por tráfico de drogas, Antônio Silva Freire, com quem mais de 3 quilos de maconha foram apreendidos. Também foram encontrados com o preso um revólver de calibre 38 e cinco munições. O flagrante foi realizado, em Capanema, cidade localizada a 160 km de Belém, nordeste do Pará.
Conhecido como “Neném”, Freire já era investigado sob acusação de vender maconha há três meses, no bairro Oliveira Brito-Mutirão. A guarnição do Grupo Tático Operacional da PM, depois de denúncia anônima sobre a venda de drogas na rua Raimundo Damasceno por um homem armado, prendeu o acusado. Na casa dele, havia mais de 3 quilos de maconha, além de um revólver de calibre 38 e cinco munições.
Ao delegado Raphael Cecim e escrivã Amanda Campos, Antônio Freire confessou a venda de droga e que portava uma arma de fogo que seria usada "para se defender de inimigos". O flagrante foi comunicado ao Poder Judiciário, que decretou a prisão preventiva do acusado.
"Nénem" responderá pelo crime de tráfico de entorpecentes e por posse ilegal de arma de fogo e munição, condutas com penas máximas de 15 e 3 anos de reclusão, respectivamente.
A participação anônima da população do munícipio é fundamental para que as Polícias Civil e Militar, juntas, consigam combater a criminalidade, especialmente o tráfico de drogas.

Texto:
Walrimar Santos - Polícia Civil