Estande de escritores paraenses é destaque na Feira do Livro

As obras de escritores paraenses são destaque na Feira Pan-Amazônica do Livro, que este ano homenageia o estado do Pará. O objetivo é incentivar o consumo de livros da terra no evento que acontece no Hangar, em Belém.
Mesmo sendo grande consumidora de livros, a estudante Kezia não conhece muitos autores paraenses. Ela conta que já chegou a procurar em algumas livrarias, mas acredita que a dificuldade de encontrar essas obras acaba afastando o público.
Para incentivar o consumo de livros de autores da terra, a feira traz um estande onde o público pode encontrar mais de 50 obras de escritores paraenses.  O espaço existe desde a primeira edição da Feira do Livro.
O objetivo é cada vez mais valorizar a obra literária do estado do Pará, os escritores paraenses, que têm aí suas obras sendo feitas ao longo do ano, com tanta calma, com tanta tranquilidade, com tanta poesia, com tanto poema. E porque não destinar um espaço fundamentalmente a eles?”, conta Andressa Malcher, coordenadora da Feira do Livro.
Antônio Juracy Siqueira é um dos autores paraenses da feira. Ele tem 30 anos de carreira, escreveu mais de 80 livros e acredita que locais com este são fundamentais para divulgar antigos e novos talentos. “Nós precisamos ter um espaço como esse para as nossas obras. Legal que é numa feira como essa, que é muito visitada, para que as pessoas conheçam um pouco do nosso trabalho", afirma.
No estande é possível ainda encontrar obras de Eneida de Moraes, Dalcídio Jurandir, Max Martins, entre outros. A Feira do Livro vai até o próximo domingo (5) e pode ser visita das 10 da manhã às 10 da noite no Hangar, em Belém.

http://g1.globo.com/pa/para/noticia/2013/04/estande-de-escritores-paraenses-e-destaque-na-feira-do-livro.html