Árbitros da Copa escoltados pela Guarda Municipal do Recife

Os árbitros dos jogos da Copa do Mundo estiverem prontos para seguir para a Arena Pernambuco, quatorze homens da Guarda Municipal do Recife estarão em frente aos hotéis aguardando para escoltá-los. O mesmo acontecerá no retorno deles. Conhecidos como batedores, eles são os únicos do país habilitados pelo Exército a realizarem escoltas de autoridades presidenciais e de membros do futebol.
No Recife, há 65 profissionais disponíveis para essas atividades de segurança. Todos foram aprovados em curso de 40 horas. “Por conta do desempenho dos
nossos batedores, o Exército autorizou o trabalho deles na escolta, que antes era realizada apenas pela PM”, afirmou o inspetor chefe da Companhia de
Trânsito e Transporte Urbano (CTTU), Carlos Paes.
Como preparativo para a Copa, eles realizaram treinamento com a Polícia Rodoviária Federal. Amanhã, no primeiro jogo da Copa na Arena, oito batedores companharão os árbitros. Nos outros quatro jogos, serão 14. “Estamos ansiosos porque é um evento diferente, mas estamos acostumados com esse trabalho. Fazemos isso com amor”, disse Wilson Lima, 63, que há nove anos atua como batedor.