Carreatas de fim de semana prejudicam os candidatos, diz cientista político

"Creio que quem priorizar as ruas e secundarizar o palanque virtual poderá estar cometendo o maior erro estratégico nesta campanha eleitoral.
O eleitor hoje se reúne muito mais nas comunidades virtuais do que em salas de reuniões habituais.
Na minha opinião, as carreatas de finais de semanas mais prejudicam do que ajudam os candidatos, afinal, inventar engarrafamento, ao eleitorado estressado,  nos finais de semana, é o fim da picada".
Edir Veiga  - Cientista Político