Homem sobrevive milagrosamente após ter abdômen atravessado por uma estaca

José Teixeira, sobreviveu milagrosamente depois de ter sido atingido por uma perna-manca que atravessou seu abdômen, após um acidente no local que trabalhava.

 Homem sobrevive deforma milagrosa

 O carpinteiro José Teixeira,  41 anos, pode dizer que nasceu novamente. Ele teve o seu abdômen atingido por uma perna-manca de madeira que media aproximadamente 1 metro de comprimento e milagrosamente está vivo e, se tudo correr bem, deverá receber alta ainda esta semana. O Medico Humberto Brito, responsável pela cirurgia realizada no Hospital São Joaquim em Capanema, que salvou a vida do trabalhador, diz não ter conhecimento de um fato assim. "foi Deus que salvou este senhor”, comentou.



O fato aconteceu na última terça-feira, por volta das 13h, em uma Carpintaria que fica na localidade do Cristal, próximo a Santa Luzia do Pará, no nordeste Paraense. Após chegar para segunda etapa de um dia normal de trabalho, José conta que trabalhava com uma perna-manca de 7 metros que  estava sendo “planada” em uma das maquinas da carpintaria, quando a mesma quebrou, sendo lançada em direção a seu abdômen. O impacto foi tão grande que o objeto, chegou a atravessar o corpo do trabalhador. "foi tão rápido que quando vi, já estava no chão, só senti uma queimação e vi o sangue. Consegui chamar ajuda e meu patrão me trouxe pra cá", diz.
De acordo com informações, o trabalhador foi deslocado as pressas pelo próprio proprietário da carpintaria que o trouxe imediatamente para o SAMU de Capanema, onde, segundo informações, não havia “condições” de atender o caso dele lá. Então, o mesmo foi transferido para o hospital São Joaquim, também em Capanema, onde foi feita às pressas uma cirurgia para retirada do objeto. "O caso dele é um daqueles milagres da medicina, a sobrevivência nesses casos é improvável, ele perdeu muito sangue e a parte interna que foi atingida estava toda danificada, e ele certamente não suportaria uma viagem até castanhal ou Belém", explica o Dr. Humberto Brito.

Na manhã desta quarta, José, acompanhado por parentes, já estava se recuperando. Ele conta que a cada dia que passa "a ficha" vai caindo e vai tomando ciência de que nasceu novamente e agradece a Deus e ao Medico que salvou sua vida. O médico explica que o quadro dele é bom e que se tudo continuar assim, José terá alta ainda esta semana. (Fonte: PortalCapanema.net)