Polícia Militar testa novo balão de monitoramento na Maré

O comando da PM está testando essa semana um novo balão de monitoramento capaz de captar com nitidez imagens em tempo real em um ângulo de 360 graus, cujo autonomia é de até sete dias.
O equipamento, que tem 2,5 metros de altura e quatro metros de diâmetro, está sendo testado desde a segunda-feira e tem tecnologia nacional. No réveillon, um balão similar fabricado em Israel foi testado e acabou reprovado porque os técnicos não tinham o equipamento adequado para a manutenção dos cabos de fibra ótica, que se romperam.

De acordo com o tenente-coronel Márcio Lima, responsável pelos testes, a transmissão de imagens captadas pelo balão de monitoramento será feita em tempo real por Wi-Fi. Ele explica que as imagens são transmitidas diretamente para um notebook que fica instalado no Comando de Operações Especiais (COE) da Polícia Militar, no Complexo da Maré. De lá as imagens podem ser distribuídas para os comandos das unidades da PM.

O balão chega a uma altitude de até 150 metros. Por meio de uma câmara de alta resolução, pode monitorar um raio de sete quilômetros. A intenção é testar o novo equipamento no carnaval e na inauguração do Maracanã, prevista para abril desse ano. O teste do novo equipamento, ainda de acordo com o militar, não custará nada para a PM. Caso seja aprovado, a Polícia Militar abrirá licitação para a compra do material a tempo de usá-lo na Copa do Mundo de 2014 e nas olímpíadas de 2016.

Fonte: Diário de Pernambuco