Polícia Civil localiza arma de PM que fora roubada em Bragança

O Núcleo de Apoio à Investigação da Polícia Civil no Baixo Tocantins, em Abaetetuba, divulgou neste domingo (10) que foi recuperada uma arma roubada da casa de um policial militar em Bragança, nordeste do Pará. A pistola estava em Belém, na casa do integrante de uma quadrilha especializada em roubos a residências presa há cerca de uma semana, em Barcarena.
A localização da arma foi resultado das investigações sobre o bando após as prisões. Policiais civis da investigaram outros crimes cometidos pela quadrilha. Segundo o delegado Mac Dowell Fortes, a quadrilha já havia praticado crimes em Bragança, onde assaltou a casa de um policial militar, que teve a pistola de trabalho, de calibre 380, roubada.
Com as informações, no último dia 4, os policiais localizaram a arma roubada do policial militar. A pistola estava na casa de um dos presos, Raimundo da Silva, conhecido como “Dinho” ou “Vida Louca”, que mora no bairro de Val-de-Cans, em Belém.
Ainda segundo o policial, a arma foi encontrada depois que os policiais tomaram os depoimentos dos presos. "Dinho" entrou em contradição com os outros presos e acabou por revelar a verdade. A pistola foi levada para Bragança pelo investigador Hélio Brabo, que a apresentou ao delegado Wander Veloso, presidente do inquérito policial que apura o assalto na casa do militar.

Texto:
Walrimar Santos - Polícia Civil