Sargento da PM no Acre é preso por "desrespeitar o governador" na web

O sargento da Polícia Militar do Acre, Isaías Brito Brandão, foi punido com cinco dias de prisão após fazer críticas ao governador Tião Viana (PT) na rede social Facebook. Desde a terça-feira, ele se encontra detido no Batalhão de Polícia Ambiental, onde presta serviço. De acordo com nota divulgada pela PM, a punição foi pautada no Regulamento Disciplinar da corporação, que prevê, dentre tantas outras, punições por transgressões disciplinares ao policial militar que “desconsiderar ou desrespeitar autoridade civil”.
O comandante-geral da PM, José dos Reis Anastácio, esclareceu ainda que o governador não determinou qualquer tipo de abertura de procedimento contra o policial. Segundo ele, ao tomar conhecimento da postagem, o Tião Viana considerou que não houve ofensa à sua honra e à sua dignidade, tendo afirmado que esse é um assunto de competência estritamente militar.
Em sua página no Facebook, o deputado estadual Major Rocha (PSDB), classificou a punição como uma "prática autoritária e abusiva" por parte do governo. "É triste ver que em pleno século XXI, enquanto a legislação penal cria benefícios para criminosos, policiais são tratados com muito mais rigor que os bandidos", escreveu. Para o parlamentar, a Constituição Federal garante a todos os brasileiros o direito de expressar a sua opinião. "Basta olhar o texto da nossa lei maior, para ver que ela não exclui os policiais militares desses direitos que são considerados como fundamentais a todos os cidadãos", completou. (Terra).

Fonte PolicialBR: http://www.uniblogbr.com/2013/04/sargento-da-pm-no-acre-e-preso-por.html#ixzz2Q7FnRMOB