Trabalhadores de Salinas são certificados para o mercado turístico

ASCOM
Mais de 213 trabalhadores de Salinópolis, de diversos segmentos, foram certificados pela Setur para atuar no mercado de trabalho turístico

Um total de 213 trabalhadores do município de Salinópolis, na região Amazônia Atlântica do Estado, recebeu certificados da Secretaria de Estado de Turismo (Setur) para atuar no mercado de trabalho turístico. A certificação ocorre na última sexta-feira (25), no Hotel Solar. A qualificação foi feita sob a coordenação do Programa Estadual de Qualificação do Turismo (Peqtur), em parceria com a Secretaria Municipal de Turismo de Salinópolis, com execução do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Associação Paraense de Recursos Humanos (APRH), Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e IVR.
O secretário de Estado de Turismo, Adenauer Góes, enalteceu o papel do programa e o desempenho dos que fizeram o curso, que assim fortalecem o processo de organização empresarial e da formação de uma rede de prestação de serviços com viés de receptivo.
“A capacitação é muito importante, seja num curso de pequena, média ou longa duração, porque conhecimento é algo que não se perde, não sai da cabeça de ninguém. Conhecimento é o que faz a diferença no mercado de trabalho. Respira-se aqui em Salinas o ar de turismo. Uma cidade turística é boa não somente para o turista que vem aqui. Antes de tudo, ela é boa para quem mora aqui, que se beneficia dos investimentos feitos na localidade”, disse.
Os concluintes foram certificados nos cursos de cozinha regional, garçom, gestão de pequenos negócios turísticos, camareira, informações turísticas, recepcionista de hotel, atendimento ao cliente e condutor de pesca esportiva. “O conhecimento precisa ser aplicado, não só na sala de aula, mas no momento em que você sai dela para se inserir no mercado de forma competitiva”, disse Ana Abreu, do Sebrae.
“Costumo dizer que o empresariado precisa se adequar às novas perspectivas que estão vindo, a exemplo do grupos supermercadistas. Se a gente não se preparar, não se modernizar, fica para trás”, disse o prefeito de Salinas, Paulo Henrique Gomes, aos concluintes do grupo. “Como poder público, estamos fazendo a nossa parte”, garantiu.
O prefeito destacou o fato dos barraqueiros da Orla do Maçarico funcionarem diariamente graças ao forte movimento, anunciando também investimentos em abastecimento de água, quadras poliesportivas e o termo de compromisso firmado com a Universidade Federal do Pará (UFPA) para a criação e construção do campus universitário de Salinópolis, com quatro cursos: duas engenharias e duas licenciaturas.
“Para mim, é um momento de alegria, ver que neste fim de semana de feriado do Recírio os meios de hospedagem estão lotados, e ver como o turismo movimenta a cidade e o quão importante ele é. Nosso papel enquanto gestor público é fortalecer essa atividade em nosso município. O Peqtur vem de encontro aos objetivos dessa administração”, disse o secretário de Turismo de Salinas, Jean Barbosa.


Texto:
Israel Pegado - SETUR