Zenaldo e Jatene visitam o canal da Vileta durante a ação “Cuida Belém”

pref zenaldo coutinho e gov simão jatene visitam canal da vileta - comus (7)
Pela primeira vez juntos, o prefeito de Belém, Zenaldo Coutinho, e o governador do Estado, Simão Jatene, visitaram as imediações do canal da Travessa Vileta, no bairro do Marco, na manhã desta quarta-feira, 09. A área faz parte do cronograma do projeto “Cuida Belém, Cuide Também”, da Secretaria Municipal de Saneamento (Sesan).
A região é bastante atingida pelos alagamentos, principalmente durante o inverno amazônico, situação cuja parceria entre a Prefeitura de Belém e o Governo do Estado pretende resolver o mais breve possível.
“O governador Simão Jatene será um importante aliado para a solução deste problema. Por esta razão já estão sendo executadas ações emergenciais, juntamente com as campanhas educativas para garantir a limpeza do canal. Acreditamos que a parceria entre município e Estado é fundamental, mas a parceria com a população é definitiva”, disse Zenaldo.
Durante a ação no bairro do Marco, cerca de 300 agentes e 60 máquinas estavam envolvidos na limpeza da área. Aliás, toda a operação conta com pelo menos três mil agentes da Sesan e 200 máquinas espalhadas nos bairros da Terra Firme, Jurunas, Guamá, Pedreira e Marco, além do distrito de Icoaraci, nos 100 primeiros dias de gestão municipal.
Para a vendedora ambulante Vera Lúcia, de 37 anos, a presença do prefeito nas ruas alimentou a esperança dos moradores do Marco em ter o seu problema finalmente resolvido. “Acompanho a trajetória do Zenaldo desde quando era vereador. Agora como prefeito, com certeza ele deve fazer mais pela nossa gente”, comentou.
Ainda durante a visita, prefeito e governador concordaram que o adiantamento das obras na bacia do Tucunduba é extremamente necessário para amenizar o alagamento da área.
“Precisamos desobstruir o canal a partir da bacia, pois atualmente não há vazante, motivo que faz a água acumular e prejudicar os moradores. No entanto, só a limpeza não resolve. A população também precisa colaborar e não despejar seus dejetos no canal”, alertou o governador Jatene.

Texto: César Modesto-NID Comus