Polícia Militar aposta no projeto Polícia Comunitária para diminuir violência no município


O índice de violência e assaltos aumenta e assusta os santarenos acostumados com tranqüilidade e liberdade em qualquer ambiente público. Para ajudar no combate a violência, a Polícia Militar executa em vários bairros de Santarém, o projeto Polícia Comunitária. O projeto trabalha em parceria com a comunidade para tentar solucionar problemas de violências em áreas consideradas perigosas. 
O sargento da Polícia Militar, Clodoaldo Rêgo, explicacomo funciona o projeto na prática. 
“É um projeto de aproximação, onde seis policias militares passam por cursos preparatórios, então nós trabalhamos em oito setores que foram divididos na cidade. Cada policial trabalha com oito bairros. A partir dessa situação nós passamos fazemos uma sondagem, analisando as problemáticas do bairro em relação a violência e criminalidade. A partir disso, pegamos esse material e transformamos em ações policiais, onde informações que não chegam a delegacia passam a ser acompanhadas por policias que estão trabalhando como policial referência no bairro”.
No dia cinco de junho o projeto será apresentado a comunidade escolar do bairro Prainha, em especial na Escola Estadual Júlia Passarinho. A meta é fazer palestra sobre o uso de drogas e prejuízos para saúde, além de orientações sobre a segurança pública.
O projeto já passou pela Escola Estadual Frei Ambrósio, localizada no centro do município, e na Escola Frei Othmar que funciona no bairro Santíssimo.

Informações Redação Rádio Guarany