Governador apóia policiamento comunitário e reafirma compromisso da segurança pública

Fonte: Noticias MS
Campo Grande/MS - Reafirmando o compromisso de priorizar as ações da segurança pública, educação e saúde, o governo do Estado de Mato Grosso do Sul entregou nesta segunda-feira (18) veículos e equipamentos para reforçar ainda mais as ações voltadas à segurança nos municípios de Amambai, Campo Grande, Corumbá, Dourados, Nova Andradina e Ponta Porã.

“Queremos cada vez mais mostrar que viemos para priorizar esta tríade da segurança pública, educação e saúde. Foi a população que nos requereu ao nível de pesquisa qualitativa e continua a nos requerer que assim façamos”, reforçou o governador André Puccinelli.
As viaturas e equipamentos fazem parte do fortalecimento das estratégias do Plano Estadual de Segurança Pública, que garantiu através de convênio, quase 2,5 milhões para serem destinados a Estratégia Nacional de Fronteira (Enafron), Policiamento Comunitário e Conselho Estadual Antidrogas.
“Levem à nossa bancada federal a certeza de que convênios como este, num Estado que mais tem fronteiras com outros países e que possui uma fronteira seca de quase 800 quilômetros, tem que ter a priorização por parte do governo federal. Da mesma forma como o executivo levanta sua voz e tem constante luta para que possamos trazer recursos ao nosso Estado para proteger a nós e as famílias sul-mato-grossenses”, enfatizou Puccinelli.
No total são 16 viaturas, 90 notebooks, 152 armas além de aparelhos periciais e mobiliários “O governo do Estado, desde 2007, já garantiu a aquisição de 1.044 viaturas que estão atendendo todo o Estado”, contabilizou o governador ao ressaltar que a Secretaria de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) está mais técnica. “Não foi à toa que pretendemos profissionalizar a Secretaria de Segurança Pública quando buscamos o secretário Jacini para comandar a pasta. Diante dos resultados não há como se calar e dizer que, de público, façamos agradecimento geral a todos os integrantes da Sejusp e todos os seus colaboradores”, pontuou o governador.
O convênio com o Enafron (Estratégia Nacional de Segurança Pública nas Fronteiras/MJ), destinou somente na 1ª fase mais de R$ 4,5 milhões para aparelhar as unidades de polícia localizadas na região de fronteira.
O Departamento de Operações de Fronteira (DOF) e a Delegacia de Repressão aos Crimes de Fronteira (Defron) receberam 90 notebooks, 152 pistolas ponto 40, detectores de metal, 461 itens de mobiliário (cadeiras, mesas, armários, estantes) e equipamentos periciais. “Estes equipamentos que municiam as perícias de Corumbá, Dourados e Ponta Porã, descentralizando a resolutividade in loco, evita que se congestione, que demore os esclarecimentos que podem ser feitos em cada uma das localidades”, esclareceu o governador.